Actualizar o SPIP

Actualizar o SPIP é muito simples. No entanto, eis um método recomendado para evitar os erros.

O processo, descrito abaixo em pormenor, pode parecer complicado. Na verdade, entramos deliberadamente nos pormenores de cada uma das operações para evitar certos erros ao utilizador; mas na prática, a actualização do SPIP realiza-se em poucos minutos e é de uma grande simplicidade.

1. Faça uma cópia de segurança da sua base de dados.

Antes de qualquer modificação importante de um sistema informático, é sempre aconselhável efectuar uma cópia de segurança.

Note bem: trata-se de uma mera precaução. Não é obrigado a fazê-la, e o ficheiro desta cópia não vai certamente ter qualquer utilidade, já que a actualização do SPIP decorrerá sem qualquer problema.

É a mesma lógica de quando você modifica o sistema de exploração do seu computador (instalar uma nova versão do Windows, do MacOs ou de Linux...): você faz uma cópia de segurança dos seus documentos, mas sabe muito bem que, se a actualização correu normalmente, não precisa de reinstalar esses documentos.

Este ponto é importante: faça a cópia de segurança da sua base de dados antes da actualização, mas não a reinstale! Com efeito, temos constatado que inúmeros utilizadores faziam a cópia de segurança da base de dados, procediam à actualização, e em seguida reinstalavam os documentos a partir dessa cópia; é um erro, e os sítios desses utilizadores apresentavam então erros de funcionamento. A cópia de segurança é uma simples precaução em caso de problema grave aquando da actualização, mas se a operação correr bem (como é quase sempre o caso!), não deve instalar esta cópia de segurança. (A cópia de segurança é feita com uma estrutura de dados correspondente à versão anterior do SPIP; se você instalar estes dados após a actualização, reinstala-os numa estrutura que evoluiu, provocando assim o aparecimento de problemas.)

Para realizar a cópia de segurança da sua base de dados (quer dizer, de todos os seus documentos criados com o SPIP), vá para a página «Salvaguardar/restaurar a base» do espaço privado, e clique no botão «Salvaguardar a base».

Inicia-se o processo de autenticação por FTP:

image 420 x 225
image 420 x 225

A nova página indica-lhe um nome que deve copiar, do tipo «admin_xxxxx». Copie este nome, e inicie o seu programa de FTP. Abra a conta FTP correspondente ao seu sítio, e vá para o directório «/data» que se encontra no interior do directório «/ecrire». No directório «/data» crie um novo directório com o nome que lhe foi indicado anteriormente (o seu novo directório terá um nome com o formato «admin_xxxx»).

Uma vez criado este directório, volte à página do seu browser e clique no botão «recarregar esta página». A cópia de segurança é efectuada de imediato.

Se desejar, pode verificar através do seu programa de FTP que o documento «dump.xml» (ou «dump.xml.gz») foi criado: este documento é a cópia de segurança do seu sítio. Pode deixá-la no seu actual lugar - no seu sítio na internet - ou copiá-la para o seu computador.

2. Instale a nova versão do SPIP

O verdadeiro procedimento de actualização começa agora.

O princípio é muito simples: basta instalar os ficheiros do SPIP outra vez, exactamente como fez da primeira vez em que instalou o SPIP. Através do «spip_loader» que efectua a instalação automática dos ficheiros, ou da forma mais tradicional - descompactando o SPIP no seu próprio disco rígido e enviando todos os ficheiros por FTP para o seu sítio na internet.

Note bem: não é necessário eliminar os ficheiros da versão anterior. Não é necessário nem aconselhável: com efeito, se eliminar os ficheiros antigos, terá de proceder novamente à configuração do SPIP (indicar os dados de ligação à base de dados, etc.), processo inútil se se contentar em sobreescrever os ficheiros antigos com os novos. Apagando os ficheiros antigos, arrisca-se até a apagar as imagens contidas nos seus artigos! Portanto: mantenha a simplicidade: é inútil apagar seja o que for antes de instalar os novos ficheiros; os novos sobrepor-se-ão aos antigos automaticamente...

3. Inicie a actualização do seu sítio

Uma vez reinstalados todos os ficheiros (por FTP, ou automaticamente com o «spip-loader»), navegue para o espaço privado do seu sítio

Note bem: aguarde que todos os ficheiros estejam instalados no seu serviço de alojamento. É escusado tentar intervir no seu sítio durante a transferência dos ficheiros, pois obteria apenas resultados incoerentes...

No seu espaço privado, obtém invariavelmente a mensagem: «Mensagem técnica: deve ser iniciado o processo de actualização a fim de adaptar a base de dados à nova versão do SPIP. Se é o administrador do sítio, clique sobre este link por favor.»:

image 350 x 109
image 350 x 109

Como administrador, siga o link para poder iniciar a actualização do SPIP. Vai ver um ecrã de autenticação por FTP, exactamente semelhante ao processo descrito anteriormente (para a cópia de segurança da base de dados):

image 420 x 225
image 420 x 225

Mais uma vez, copie a palavra indicada por este ecrã e, com o seu programa de FTP, crie um novo directório em «ecrire/data», e atribua-lhe o nome que acaba de copiar.

Clique em «recarregar esta página», o que inicia a actualização da base de dados do SPIP.

E pronto, terminou a operação de actualização.

Repetimos este conselho, porque é um erro bastante clássico: não reinstale a base de dados a partir da cópia de segurança anteriormente efectuada. Esta cópia de segurança corresponde, a partir de agora, a uma estrutura antiga dos dados, e como tal, mais ou menos inutilizável. Se a operação correu bem, pode mesmo destruir esta cópia antiga

Em caso de problema!

-  Em certas zonas do espaço privado (e por vezes no sítio público), obtenho mensagens de erro do tipo «file not found», «file missing», ou outras mensagens indicando um problema de ficheiro incompleto ou em falta.

Talvez tenha havido problemas na altura do upload dos ficheiros por FTP; com o seu programa de FTP, verifique o tamanho dos ficheiros em causa; nomeadamente, se um ficheiro tiver um tamanho de 0 kb, reinstale esse ficheiro.

-  Obtenho muitas mensagens de erro.

Reinstale de novo a totalidade dos ficheiros por FTP. Nunca se sabe...

-  O meu sítio funciona mais ou menos correctamente, mas certas funcionalidades não funcionam bem, os redactores deparam-se com problemas, mas no entanto funciona bem para os administradores, etc.

Dirija-se à lista de difusão dos utilizadores do SPIP. Numa primeira fase, consulte os arquivos desta lista para ver se o seu problema não foi já abordado. Caso contrário, exponha o seu problema na lista, sendo o mais exacto possível: qual o serviço de alojamento, a partir de que versão fez a actualização; não se esqueça de indicar se o problema já ocorria (ou não) na versão anterior. Se o seu problema é um bug ainda desconhecido, os programadores trabalharão rapidamente sobre a questão para fornecerem uma versão corrigida.

Autor guidaq Publié le : Mis à jour : 26/10/12

Traductions : عربي, català, corsu, Deutsch, English, Español, français, italiano, Nederlands, òc lengadocian, Português, Türkçe, українська